...

Rock in Rio 2022: veja os números do maior palco da história do festival

por Taina Bueno

Ao longo de sua história, o maior festival de música do mundo, o Rock in Rio, teve 21 edições, oito no Brasil, nove em Portugal, três na Espanha e uma nos Estados Unidos, e a última edição ocorreu em 2019, dentro do Parque Olímpico do Rio de Janeiro.

Agora, após 3 anos de pandemia, finalmente a próxima edição do festival acontecerá novamente no Rio de Janeiro, entre os dias 2 e 11 de setembro.

Nesta nova edição, um grande investimento foi aplicado no Palco Mundo, o principal do evento, que receberá grandes artistas internacionais como Guns N’Roses, Iron Maiden e Coldplay.

Segundo os idealizadores, o palco principal terá a maior estrutura desde a primeira edição do festival, em 1985. 

Estrutura 100% reciclada

A nova versão do Palco Mundo do Rock in Rio 2022 terá 104 metros de comprimento e 30 metros de altura.

Nele, foram usadas 200 toneladas de aço 100% reciclado que, para se ter uma melhor noção de sua estrutura, esse número seria equivalente à fabricação de 200 carros.

Em uma melhor comparação, o novo palco terá as mesmas dimensões de um prédio de 10 andares, assim como a sua largura, que equivale a duas piscinas olímpicas.

Palco Mundo – montagem. Imagem de: reprodução/VejaRio.
Palco Mundo. Imagem de: reprodução/VejaRio.

Todo o aço foi fabricado pela empresa brasileira Gerdau, a maior produtora de aço das Américas.

Outra característica citada sobre a nova estrutura é o seu tempo de produção: cerca de três meses apenas.

Além disso, o palco vai contar mais de 300 spots de luz, cujo objetivo é criar uma iluminação cênica e efeitos visuais.

Segundo a organização do festival, quando deixar de ser palco, o material vai se transformar em casas, edifícios, carros, centros hospitalares, entre outros.

O festival traz 250 shows de 670 artistas e vinte espaços com atrações para os mais diversos públicos.

Vale lembrar que todos os 700 mil ingressos estão esgotados.

Mapa ilustrativo do espaço total de 2022. Imagem de: reprodução/VejaRio.

Fontes: Veja Rio, G1 e Forbes.

Você pode se interessar por

Deixe uma resposta

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00