...

O maior “deslizamento de ponte” do mundo foi executado no projeto HS2

por Taina Bueno

As obras do HS2 (High Speed 2) estão a todo o vapor na Europa.

A malha ferroviária de alta velocidade, que está ainda em construção, conectará Londres, Birmingham, Manchester e Leeds, e o projeto de infraestrutura é atualmente o maior da Europa.

Recentemente, a empreiteira responsável pelo projeto, a HS2 Balfour Beatty VINCI (BBV) concluiu mais um feito inédito: deslizou uma ponte pré-fabricada em tempo recorde em uma rodovia super movimentada, em Warwickshire, um condado no centro da Inglaterra.

Uma equipe local de 450 pessoas deslizou a ponte de 12.600 toneladas por um recorde de 165 metros para posicioná-la na rodovia durante o período de Natal do último ano.

Como funcionou a operação

A equipe trabalhou sem parar para colocar a ponte Marston Box, que faz parte da rota do trem de alta velocidade HS2, em uma operação que durou 40 horas, a uma velocidade de 4 metros por hora.

O diretor de engenharia civil da empreiteira HS2 Ltd, Mike Lyons, disse: “Este é o primeiro deslizamento de “ ponte de caixa” desse tipo em uma rodovia no Reino Unido e acreditamos que também é o maior do mundo, por isso é uma grande conquista para o HS2 à medida que nos aproximamos rapidamente do pico da construção.”

Operação em funcionamento na rodovia. Imagem de: HS2 Ltd.

Nos últimos seis meses, a estrutura de 86 metros de comprimento foi construída em um terreno próximo à rodovia.

A estrutura tem uma base, três paredes e laje superior. O mecanismo deslizante, projetado pela empresa especializada em engenharia civil e estrutural Freyssinet, permitiu que a caixa fosse “empurrada” para o lugar sobre a rodovia em uma balsa guia por uma distância de 163 metros – que se acredita ser a ponte deslizante mais longa do mundo.

Após a conclusão, toda a estrutura terá cerca de 190 metros de comprimento e transportará o trem HS2 pela autoestrada.

Esse método de construção, que permitiu que a ponte fosse instalada em um movimento, significou apenas dois fechamentos de uma semana da rodovia em um período de 12 meses, reduzindo drasticamente a interrupção dos usuários da estrada.

Fonte: New Civil Engineer.

Você pode se interessar por

Deixe uma resposta

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00