...

EUA terá maior edifício do mundo construído com “design passivo”

por Angela Santos

Em breve, um edifício de escritórios no centro de Boston, em Massachusetts – EUA, vai se tornar o maior edifício do mundo com o chamado “design passivo”, depois de ter atingido um marco de certificação.

O conceito envolve uma combinação de estratégias que reduzem drasticamente o uso de energia em até 70%.

O espaço construído, chamado de Winthrop Center, de 75 mil metros quadrados, passou em vários testes importantes para conseguir a certificação.

O conceito do design passivo começa com a fachada, que deve ser bem isolada e hermética: devido a esse design hermético do edifício, ele também possui um sistema de ventilação que traz ar fresco. O desenvolvedor disse que o Winthrop Center fornece 30% a 50% mais ar fresco do que edifícios comparáveis.

E o design passivo da casa reduz muito a necessidade de aquecer e resfriar o prédio — até 10 vezes menos em comparação com os prédios típicos. O sistema é mais eficiente, mas o que reduz a demanda é o isolamento e a estanqueidade do prédio.

Em cidades grandes como Boston, os edifícios são responsáveis por quase 70% das emissões de gases de efeito estufa, portanto, reduzir o consumo de energia pode ter um impacto significativo.

Edifício em construção. Imagem de: MP Boston.

Prédios de escritórios comparáveis típicos usam 150% mais energia do que o Winthrop Center, enquanto edifícios com certificação LEED usam cerca de 60% a mais, de acordo com o desenvolvedor.

Na última semana, o prédio passou por uma série de testes para ser certificado pelo Passive House Institute, na Alemanha. Também recebeu o prêmio The Passive House Trailblazer.

O prédio tem um total de 62 andares distrubuídos em 210 metros de altura e encontra-se na fase final de construção.

Edificio em fase final. Imagem de: MP Boston.

Fonte: New Scientist.

Você pode se interessar por

Deixe uma resposta

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00