China planeja construir uma barragem de 180 metros utilizando IA e impressão 3D

por Canal da Engenharia
1.019 views

A China construirá uma enorme barragem hidrelétrica no espaço de apenas dois anos, graças à Inteligência Artificial (IA), robôs de construção autônomos e tecnologia de impressão 3D, é o que revela um relatório do Business Insider.

A barragem de Yangqu será construída camada por camada no planalto tibetano, e o processo foi descrito em um artigo publicado em abril no Journal of Tsinghua University.

Se tudo correr como planejado, a barragem se tornará a estrutura mais alta do mundo usando processos de impressão 3D, quebrando o recorde anterior – de um prédio de escritórios de dois andares de 6 metros de altura em Dubai.

Os cientistas por trás do novo artigo dizem que a barragem de Yangqu concluída fornecerá 5 bilhões de quilowatts-hora de energia anualmente para a China.

O processo será realizado por um sistema central de IA que gerenciará uma intrincada linha de montagem automatizada, incluindo uma frota de veículos não tripulados, de acordo com os autores do artigo.

Caminhões não tripulados serão usados ​​para transportar materiais de construção, enquanto escavadeiras e pavimentadoras sem motorista também ajudarão na construção.

Foto da frota autônoma da empresa chinesa XCMG, caminhões autônomos controlados por satélite. A empresa já utilizou os caminhões para construir uma estrada. Fonte: XCMG.

Rolos equipados com sensores ajudarão a pressionar cada camada da barragem. Para cada camada da barragem que é colocada, os sensores serão analisados ​​pela IA para garantir que o processo de construção seja planejado.

De acordo com os pesquisadores, o uso da IA ​​pode diminuir ou até eliminar o erro humano, tornando o processo de construção mais suave e também eliminando o risco de lesões humanas inerentes a qualquer canteiro de obras.

A notícia informa que os planos são para entregar a barragem até 2024.

Fonte da notícia: Business Insider.

Você pode se interessar por